Seus Contos Eróticos » Fetiches » A melhor foda da minha vida

A melhor foda da minha vida

Publicado em outubro 11, 2020 por store

A melhor foda da minha vida.

Olá, meu nome é Vânia, tenho 19 anos de idade, sou baixinha, fininha, morena de olhos castamhos. Sou estudande da Universidade mais prestigiada do meu Estado.

Sou uma menina muito safada e vivo vendo putaria na internet o tempo inteiro. Eu amo tocar uma siririca vendo meus pornôs.

Certo dia eu estava em casa, era um sábado e meus pais tinham saído, mas avisaram que o encanador viria aqui em casa para resolver a torneira pingando e que era para eu esperar o cara.

Eu estava louca para me masturbar e esse cara não chegava logo pra acabar o serviço.

– Cadê esse cara? que demora!

Eis que depois de um tempo a campainha toca, era um cara sarado dos pés à cabeça, alto, gostoso e me deixou molhadinha só de ver ele.

– Desculpa a demora, falei com seu pai sobre um serviço aqui.

– Ele me disse, pode entrar, fique a vontade!

Ele entrou e enquanto trabalhava eu não parava de olhar pra ele, achando esse homem muito gostoso.

Eu percebi que ele também me olhava e notou que eu estava sedenta com os olhos em cima dele. O safado mandou eu pegar uma ferramenta e aproveitou pra tocar minha mão e me dar um olhar safado.

Eu fiquei com a buceta toda molhadinha e fui correndo para o meu quarto me masturbar. Deixei a porta aperta e dava pequenos gemidos pra ver se ele se ligava. Logo percebi que ele estava me observando.

Não parei de olhar nos olhos dele e nem de tocar minha siririca, ele não resistiu, entrou no meu quarto e senti o volume crescendo na calça dele.

Encanador: Tá pensando que não percebi você me olhando, sua safadinha?

Ele se aproximou, foi me beijando, o beijo mais gostoso que recebi na minha vida. Fiquei louca por ter a pica dele enfiada na minha buceta.

Eu tava latejando de tesão. Eu estava com um vestido curtinho e ele de cueca, então o safado foi baixando a mão até minha buceta e meteu os dedos, que entraram fácil já que eu estava bem molhada.

Encanador – Que buceta gostosa, abre as pernas pra mim, vai.

Ele me jogou na cama, abriu as minhas pernas e começou a chupar minha buceta, que não aguentava de tanto tesão.

Comecei a gemer e falar que tava muito gostoso, ele chupou gostoso e conseguiu me fazer gozar, mas eu queria mais.

Ele começou a bombar na minha bucetinha, enfiou gostoso me penetrando de um jeito bruto e selvagem como eu não estava acostumada e até pedi arrego.

-Tá doendo muito! para!

Eu mandava parar mas eu queria mais, mesmo doendo muito.

Ele continuava metendo bem selvagem, não pegou leve comigo de jeito nenhum, passou horas fodendo minha buceta até que não aguentava mais e pedi pra tomar uma água.

Encanador – Quando eu terminar você toma água, agora rebola gostoso no meu pau, tô quase gozando!

Ele finalmente gozou depois de um tempo e eu estava toda dolorida. A gente foi tomar um banho juntos e transamos novamente no banheiro. Depois disso ele continuou o trabalho e nos despedimos. Foi a melhor foda que eu tive em toda minha vida.

A melhor foda da minha vida.

Olá, meu nome é Vânia, tenho 19 anos de idade, sou baixinha, fininha, morena de olhos castamhos. Sou estudande da Universidade mais prestigiada do meu Estado.

Sou uma menina muito safada e vivo vendo putaria na internet o tempo inteiro. Eu amo tocar uma siririca vendo meus pornôs.

Certo dia eu estava em casa, era um sábado e meus pais tinham saído, mas avisaram que o encanador viria aqui em casa para resolver a torneira pingando e que era para eu esperar o cara.

Eu estava louca para me masturbar e esse cara não chegava logo pra acabar o serviço.

– Cadê esse cara? que demora!

Eis que depois de um tempo a campainha toca, era um cara sarado dos pés à cabeça, alto, gostoso e me deixou molhadinha só de ver ele.

– Desculpa a demora, falei com seu pai sobre um serviço aqui.

– Ele me disse, pode entramelhor r, fique a vontade!

Ele entrou e enquanto trabalhava eu não parava de olhar pra ele, achando esse homem muito gostoso.

Eu percebi que ele também me olhava e notou que eu estava sedenta com os olhos em cima dele. O safado mandou eu pegar uma ferramenta e aproveitou pra tocar minha mão e me dar um olhar safado.

Eu fiquei com a buceta toda molhadinha e fui correndo para o meu quarto me masturbar. Deixei a porta aperta e dava pequenos gemidos pra ver se ele se ligava. Logo percebi que ele estava me observando.

Não parei de olhar nos olhos dele e nem de tocar minha siririca, ele não resistiu, entrou no meu quarto e senti o volume crescendo na calça dele.

Encanador: Tá pensando que não percebi você me olhando, sua safadinha?

Ele se aproximou, foi me beijando, o beijo mais gostoso que recebi na minha vida. Fiquei louca por ter a pica dele enfiada na minha buceta.

Eu tava latejando de tesão. Eu estava com um vestido curtinho e ele de cueca, então o safado foi baixando a mão até minha buceta e meteu os dedos, que entraram fácil já que eu estava bem molhada.

Encanador – Que buceta gostosa, abre as pernas pra mim, vai.

Ele me jogou na cama, abriu as minhas pernas e começou a chupar minha buceta, que não aguentava de tanto tesão.

Comecei a gemer e falar que tava muito gostoso, ele chupou gostoso e conseguiu me fazer gozar, mas eu queria mais.

Ele começou a bombar na minha bucetinha, enfiou gostoso me penetrando de um jeito bruto e selvagem como eu não estava acostumada e até pedi arrego.

-Tá doendo muito! para!

Eu mandava parar mas eu queria mais, mesmo doendo muito.

Ele continuava metendo bem selvagem, não pegou leve comigo de jeito nenhum, passou horas fodendo minha buceta até que não aguentava mais e pedi pra tomar uma água.

Encanador – Quando eu terminar você toma água, agora rebola gostoso no meu pau, tô quase gozando!

Ele finalmente gozou depois de um tempo e eu estava toda dolorida. A gente foi tomar um banho juntos e transamos novamente no banheiro. Depois disso ele continuou o trabalho e nos despedimos. Foi a melhor foda que eu tive em toda minha vida.

1.168 views views

Contos relacionados

Desconhecido com o pau latejando

Desconhecido com o pau latejando . Olá, meu nome é Maura, tenho 21 anos e sou morena, tenho uma amiga que se chama Letícia.Ontem a minha amiga me chamou pra sair com ela e me pediu o favor de sair...

LER CONTO

Dando para o motorista de aplicativo

Fodendo com o motorista gostoso Bati na janela de seu carro, eu precisava de um táxi. Perguntei se ele trabalhava com um app que uso, ele meio que se assustou com a batida e sinalizou que sim,...

LER CONTO

Necessidades sexuais de uma grávida safada

Grávida safada querendo sexo Essa história era de quando eu tinha vinte anos, e tinha uma filha linda de seis meses. Sempre fui mãe solteira, não que o pai dela não fosse presente, mas assim...

LER CONTO

Sadomasoquismo e primeira inversão sexual

Eu e Mateus somos amigos de infância e sempre fomos muito próximos e durante nossa juventude as coisas foram ficando mais intensas entre nós dois. Eu o considero um pau amigo, pois sempre que estou...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 1 = ?
Desfrute do maior acervo de contos eróticos verídicos da internet e o melhor que o nosso conteúdo é 100% grátis.
© 2021 - Seus Contos Eróticos