Seus Contos Eróticos » Relatos » Dei carona e comi a desconhecida

Dei carona e comi a desconhecida

Publicado em abril 24, 2021 por store
5/5 - (2 votes)

Levei no caminhão e comi a desconhecida safada

Me chamo Paulo, tenho 35 anos, sou caminhoneiro há 15 e conheço muitos lugares nesse Brasil. Sou casado e sempre tentei me manter na linha, mas as vezes era difícil não cair em tentação e numa dessas ocasiões eu conheci uma desconhecida.

Parei para abastecer em um posto no Paraná e encontrei uma moça com uma pequena bagagem. Ela era muito bonita, morena, usava um jeans que deixava sua bunda bem marcadinha, olhos cor de mel e seios empinadinhos. Fiquei admirando sua beleza e logo desci para fazer xixi e perguntei se ela estava buscando carona.

A moça respondeu que seu nome era Letícia e que estava indo para uma cidade ali no interior próximo. Eu me ofereci pra levá-la, já que era próximo dali. Meu caminhão é equipado com uma cama e alguns mantimentos para quando eu faço viagens muito longas, então ela olhou a cama e disse sorrindo que já teria um lugar para dormir.

Depois de algumas horas de estrada, eu fiquei com sono e ela também, então fomos dividir a cama e ela trocou de roupa na minha frente. A safadinha colocou uma camisola quase transparente e eu fiquei em ponto de bala olhando aquele corpinho gostoso e os bicos dos seus peitos durinhos marcados na peça de roupa.

Ela deitou, encostou em mim, sentiu minha piroca dura e disse:

– Que menino safado!

Eu respondi que ela nem imaginava o quanto, então perguntei se ela estava a fim e a resposta veio com um beijo bem gostoso. Deitei a safadinha de pernas abertas, subi em cima dela, chupei seus peitos durinhos, fui descendo, enquanto ela se contorcia inteira de tesão.

Eu cheguei em sua bucetinha e cai de boca, sentindo ela toda melada. Eu enfiei a língua dentro, fiz um vai e vem gostoso e lambi toda a extensão da sua bucetinha gostosa. Em menos de 20 minutos ela deu uma gozada gostosa em minha boca. Continuei chupando mais um tempo e a fiz gozar gostoso novamente. Ela estava louca, respirando de forma ofegante e retribuiu chupando meu pau. Eu me aproximei de sua boca e empurrei a pica pra ela mamar gostoso.

Ela lambia minha cabeça rosada, engolia tudo, lambia minhas bolas e tocava uma punhetinha pra mim ao mesmo tempo. Enquanto isso eu brincava com seus peitos e ela gemia gostoso sem parar de me chupar. Eu estava sem aguentar, coloquei ela bem arreganhada, encaixei meu pau e senti ele se contrair inteiro dentro de sua buceta gostosinha.

Ela apertava minha pica e me deixava louco de tesão. Nessa posição gostosa eu soquei fundo de uma vez só naquele bucetão gostoso e fiquei bombando num ritmo mais intenso a cada gemido que ela soltava. Ela estava tão melada que minha pica escorregava gostoso dentro dela. Pedi pra ela ficar de quatro e passei a foder a bucetinha dela desse jeito, agarrando em sua cintura, enquanto ela gemia cada vez mais e foi me apertando e se contorcendo inteira, alcançando mais um orgasmo gostoso.

Eu estava quase gozando, tirei meu pau de dentro, mandei ela abrir a boquinha e comecei a me masturbar na frente dela. Bati com meu pau na sua cara e quando senti o gozo vir, enfiei dentro da sua boca e soltei um jato de porra, derramando todo o meu leitinho e fazendo ela engolir sem derramar nenhuma gota.

A gente passou a noite inteira trepando e depois de algumas horas chegamos ao destino dela. Nos despedimos com um beijo gostoso e molhado, mas nunca mais vi essa gostosa novamente, porém, essa transa foi uma das mais intensas que tive.

3.195 views views
5/5 - (2 votes)

Contos relacionados

Atendente de lanchonete dando pro cliente gostoso

Novinha atendente de lanchonete dando a xota pro cliente dotado Olá meus amigos amantes de contos de sacanagem, tudo bem? Hoje vou contar a história da bela novinha tímida que trabalha como...

LER CONTO

Fodendo no interior de São Paulo

Fodendo com a gostosa depois da festa de Rodeio Há alguns anos atrás, morava no interior de SP, região próxima a Rio Preto, e trabalhava pela região. Fui em uma festa do peão e lá...

LER CONTO

Necessitada de sexo

Fiquei louca querendo sexo Essa história era de quando eu tinha vinte anos, e tinha uma filha linda de seis meses. Sempre fui mãe solteira, não que o pai dela não fosse presente, mas assim...

LER CONTO

Foda com meu colega tesudo

Esse é meu primeiro conto erótico, mas tudo indica que não ficarei somente nesse. Meu nome é Patrícia, tenho 35 anos, mas aparento ter menos. Sou baixinha, falsa magra, seios médios bem durinhos...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 3 = ?
Desfrute do maior acervo de contos eróticos verídicos da internet e o melhor que o nosso conteúdo é 100% grátis.
© 2022 - Seus Contos Eróticos