Seus Contos Eróticos » Sexo Anal » Eu, Bruno, um vibrador e o motel

Eu, Bruno, um vibrador e o motel

Publicado em março 1, 2021 por store
Rate this post

Me chamo Ane, sou magra, alta, bunda farta e loirinha. Tenho um tesão louco a todo momento e adoro realizar fantasias. Bom, sai com um cara chamado Bruno e ele estava doido para realizar sua fantasia de me comer com um vibrador. Lógico que aceitei.

Ele já foi dizendo logo o que queria e como uma boa safada, eu comprei um vibrador de 23 centímetros. Depois disso fomos para um motel muito bacana e lá mostrei para ele minha aquisição. Os olhos dele até brilhavam só de saber que ia socar aquele cacetão na minha buceta.

No motel a gente começou a se beijar loucamente, ele estava bem apressado e já foi tirando minha roupa. Quando ele tirou tudo, a baba da minha buceta já escorreu, sinto um tesão enorme em dar para aquele homem gostoso e safado.

-Já está molhada, ne cachorra gostosa? Hoje vou comer você todinha.

Quanto mais ele falava, mais tesão eu sentia ouvindo. Sem pensar duas vezes, cai de boca naquela pica grande e deixei ele completamente babado.

-Você gosta da minha boca no seu pau, né? quero ver ele no meu cuzinho hoje.

Pra que fui dizer isso, ele me pegou sem pensar, me posicionou e meteu essa pica grande no meu rabinho. O safado metia feito louco, fazia barulho alto das estocadas que ele dava e eu claro, adorando tudo aquilo.

Era bem gostoso ter aquele macho enorme metendo em mim. Ele mandou eu ficar de quatro e disse que ia meter onde quisesse. Eu obedeci, virei e deixei a buceta bem à mostra com a cara no colchão e disse:

– Vem e enche de porra essa bucetinha…

Ele pegou o vibrador, meteu na minha buceta enquanto metia o pau no meu cu junto. Ele ligou e começou a socar com força. Eu senti uma mistura de dor e tesão que não tem explicação. Não satisfeito, deixou o vibrador na minha buceta e começou a lamber meu cuzinho, já me preparando pra socar o vibrador lá também.

Eu abri passagem enquanto ele se lambuzava com meu cu e senti ele meter aquele brinquedo erótico todinho no meu rabinho. Minha buceta estava escorrendo de tesão e ele me chamava de puta, cachorra, safada e me deixava ainda mais excitada.

– Sua puta, não era rola que você queria?

Eu rebolava naquele pauzão e no vibrador. Não aguentei mais e comecei a gemer mais alto e pedi pra ele encher meu cuzinho de porra. Sem parar de quicar na pica dele, o safado encheu meu cu de leite quente, até escorrer.

Nós dois caímos de cansados na cama, ele feliz em me comer gostoso e eu mais ainda com o cuzinho cheio de leitinho.

965 views views
Rate this post

Contos relacionados

Perdendo o cabaço do meu cu no motel

Dei o meu cú para o ficante dotado no motel Olá, tudo bem? Hoje vou contar para vocês minha primeira experiência dando o cú para um homem. Eu tinha me separado do meu ex marido há uns 2 meses...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 5 + 3 = ?
Desfrute do maior acervo de contos eróticos verídicos da internet e o melhor que o nosso conteúdo é 100% grátis.
© 2022 - Seus Contos Eróticos