Seus Contos Eróticos » Interracial » O dia que transei com um negro e amei

O dia que transei com um negro e amei

Publicado em setembro 17, 2021 por stif

Novinha branquela fodendo com negão dotado

Olá, hoje vou contar a minha primeira experiência sexual com um negro bem dotado. Eu tinha 20 anos na época e já tinha transado várias vezes, com diversos homens. Porém não encontra alguém que abaixasse o meu fogo de verdade. Sempre tava querendo algo mais, acreditava que uma pica maior e mais grossa seria a solução para os meus problemas.

Tenho 1,64 de alturo, sou branquinha e tenho os peitos pequenos. Minha xereca bem rosadinha fica facilmente molhada. Eu me considero uma ninfomaníaca, é verdade rsrs. Todos os homens com quem eu transava todos corriam. Eu sempre queria foder 4 ou 5 vezes seguidas.

Querendo um negão pra foder minha buceta

Apartir daí fiquei muito curiosa sobre sexo com negros. Eu assistia sempre videos de porno na internet para se masturbar quando tomava banho e com isso olhava sempre os negãos. Sendo assim eu passei a optar por negros. Mas não era uma tarefa fácil, encontrar um negro dotado e solteiro na onde eu moro.

Por incrível que pareca, um certo dia chegou um novo vizinho ao lado da minha casa. Para minha sorte era um homem negro, bem alto e o melhor de tudo, solteiro.

Fui logo dar as boas vindas, eu também morava sozinha então esse negro seria uma presa fácil na minha cama.

Fodendo com o negro bem dotado

Um dia convidei o vizinho para ir tomar um vinho em minha casa. Ele topou e quando chegou lá demonstrou ser um cara bem timido e correto. Eu achei que seria mais fácil, porém ele não era tão fácil assim rsrs.

Mas eu não desistia, tava sempre mostrando alguma parte do meu corpo, jogando meu charme e beleza para esse cavalo que tomava vinho na minha sala.

Certo momento o pauzudo entendeu a jogada e enfim quis foder comigo. Ele me encheu de beijos e até o seu cheiro já dizia oque eu iria encontrar pela frente. O cara tinha uma pegada feroz, ele bem grande me segurava com força e eu sentia sua pica enorme esfregar na minha barriga.

Ficamos pelados e eu logo dei uma chupada naquela rola, eu nunca tinha visto uma pica daquele tamanho. Foi algo surreal, uma tora de pica bem grande na minha garganta e os meus olhos chegavam a brilhar de tão excitada que fiquei.

Em seguida esse macho negro me comeu com tanta força no sofá, ele me fudeu em várias posições e eu aposto que meus gritos eram capaz de ouvirem da rua. Mas e quem estava ligando pra isso? Era meu sonho sentir uma mega rola dessas rasgando minha buceta ao máximo e eu estava feliz pra caralho. Então eu sentei, dei de quatro e de frente para esse negro dotado que fode pra caralho.

Foi uma experiência alucinante que eu nunca mais esqueco. Por anos fodi com esse cara dotado, mas eu nunca fui de assumir um relacionamente. Sempre pensei em homens como parceiros de sexo. Então com um certo tempo ele foi embora para outro estado e paramos de se ver.

937 views views

Contos relacionados

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 3 = ?
Desfrute do maior acervo de contos eróticos verídicos da internet e o melhor que o nosso conteúdo é 100% grátis.
© 2021 - Seus Contos Eróticos