Seus Contos Eróticos » Contos de Travestis » Traindo esposa com traveco dotado e gostoso

Traindo esposa com traveco dotado e gostoso

Publicado em novembro 18, 2022 por stif
4.3/5 - (11 votes)

Traindo esposa com traveco dotado e gostoso em uma noite de loucuras e muito prazer. Meu nome é Cleiton, tenho 32 anos e hoje vou contar para vocês o dia em que realizei meu maior fetiche, foder um traveco. Eu sempre fui um cara muito calmo, pacato e me casei muito cedo, aos 18 anos pra ser mais específico. Depois de tantos anos casado com a minha linda mulher, resolvi curtir um dia de muita loucura e noitada pela cidade. Na verdade isso só foi possível por que a minha esposa precisou fazer uma viagem à trabalho, então eu teria dois dias inteiros somente para mim. Tinhamos acabado de comprar a casa nova, era em um conjunto novo, poucos moradores, ideal para mim pois não teria vizinhas fofoqueiras no meu pé.

Eu sempre fui muito afim de sair com um travesti. Aqui próximo de onde eu moro, tem um local que serve de ponto de encontro com os travecos, uma avenida que durante a noite fica repleta de travestis e garotas de programas aguardando sempre um novo cliente. Todas as noites eu passava por essa avenida, bem devagar para olhar os travecos mais lindos e gostosos que estavam por lá. Porém por ser um rapaz de família tradicional brasileira, nunca tive coragem de chegar a tal ponto.

Travesti gostosa sendo minha amante

Porém ao receber a notícia de que minha esposa passaria dois dias fora, a primeira coisa que me veio na mente foi sair com um travesti, acreditam ? Era um sonho antigo e que cada vez mais só aumentava a vontade. Então me programei totalmente para realizar esse sonho. Como não temos filhos eu ficaria completamente sozinho em casa e não podia perder essa chance. Além disso, eu tinha uma grana guardada em uma conta secreta que minha esposa não tinha noção. Ou seja, estava tudo se encaminhando perfeitamente para realizar meu fetiche.

Finalmente chegou o grande dia ! Acordei cedinho e me despedir da esposa pois eu saiu primeiro para ir trabalhar. Então partir para o trabalho muito empolgado e ancioso. Era uma sexta-feira, último dia de expediente da semana. Então ao sair do trabalho fui rapidamente para a famosa avenida dos travestis. Passei ainda mais devagar do que o normal para escolher aquele traveco que seria o realizador do meu fetiche.

Foi quando meus olhos bateu diretamente para uma travesti magrinha, dos peitos grandes e cabelos lindos. Foi tesão à primeira vista, decidir de imediato que seria ela. Então parei e chamei a gostosa até o carro.

  • Olá princesa, tudo bem ? Quanto custa uma noite inteira de prazer com você ?
  • Oie meu lindo, tudo ótimo e você ? Então bebê, pra passar a noite inteira eu cobro 300, mas gostei tanto de você que faço pelos 250.

A travesti gostosa entrou no meu carro e pedir para ela escolher um bom motel. Durante o trajeto contei minha história pra ela, falei que nunca tinha feito nada do tipo mas que sempre sonhei com tal momento. Porém, sou super ativo e meu desejo é realmente arrombar o cuzinho dela.

O traveco gostoso dos peitos grandes me prometeu uma noite inesquecível. Tomamos algumas cervejas, ficamos muito bêbados no motel onde cantavamos e nos banhamos na hidromassagem.

Em seguida coloquei meu pauzão duro na boca da travesti. Ah sim, ela se chamava Paloma, uma magrinha muito linda e gostosa que me deixou fraquinho de tanto gozar naquele cuzinho gostoso.

A Palominha muito safada sentou com tesão na minha piroca e eu fiquei delirando de tesão. Um cuzinho gostoso daquele, eu nunca imaginei que provaria. Foi uma noite muito louca na minha vida e que infelizmente até hoje foi a única que tive. Não sei bem o que aconteceu com Paloma, mas sinto muita saudade daquele sexo gostoso.

6.241 views views
4.3/5 - (11 votes)

Contos relacionados

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 2 + 1 = ?
Desfrute do maior acervo de contos eróticos verídicos da internet e o melhor que o nosso conteúdo é 100% grátis.
© 2023 - Seus Contos Eróticos