Seus Contos Eróticos » Incesto » Fodendo minha tia crente gostosa

Fodendo minha tia crente gostosa

Publicado em maio 7, 2021 por store

Minha tia crente gostosa liberou pra mim

Eu tenho uma tia crente fervorosa chamada Melissa. Ela é casada há uns 15 anos, tem 48 anos e apesar das roupas discretas que usa, sempre percebi que ela é uma mulher muito gostosa. A coroa tem mais ou menos 1,60 de altura, coxas grossas, cintura fina, quadris bem desenhados e uma bunda grande. Os seios dela são de tamanho médio, no entanto, ainda estão bem empinadinhos apesar da idade.

Eu sempre fui louco por ela, desde os 18 anos de idade. Hoje tenho 24 e vou contar como começou a putaria entre nós dois. O marido dela, meu tio, chifrava ela pra caralho, a família inteira sabia, mas minha tia como sempre, achava que o divórcio era um pecado. Com certeza ela era uma mulher bem carente, pois o marido dormia muito fora de casa com as amantes e ela ficava sozinha cuidando dos filhos.

Um dia, me ofereci pra dormir na casa dela já que meu tio tinha inventado uma viagem de trabalho. Ela adorou a ideia e resolvemos pedir comida e ver um filminho. Ela reclamou que o sofá estava meio duro, então sugeri que a gente terminasse de ver no quarto dela. Minha tia deitou na cama e eu ao lado dela. Senti o clima ficar meio tenso, acho que ela estava meio nervosa ao se deitar com um outro homem que não fosse o marido.

Aos poucos, o filme ia rolando e ela ia apagando. Quando ela apagou de vez, fiquei olhando seu corpo e analisando. Ela estava com um vestido de tecido leve, que deixava seu corpo discretamente marcado. Passei de leve as mãos nos bicos dos peitos dela e percebi eles arrepiando com meu contato.

Eu não resisti, comecei a acariciar seu corpo, desci por sua barriga, suas coxas e senti os pelinhos dela arrepiarem. Quando passei a mão na bucetinha da minha tia, senti sua calcinha toda molhada. Eu fiquei com meu pau duro na hora e fiquei ali me masturbando enquanto metia os dedos melados na sua buceta quentinha.

Logo ela abriu os olhos, perguntou se eu estava enlouquecendo e respondi que a umidade em sua calcinha mostrava que ela também queria. Eu continuei o contato, masturbei minha tia fazendo movimentos circulares e fiz ela gemer bem baixinho. Logo, subi em cima dela, beijei sua boca, enfiando minha língua e enroscando com a dela.

A mulher estava pegando fogo embaixo de mim, ela me deixou com bastante tesão. Tirei suas roupas, tirei as minhas e fui beijando cada pedacinho do corpo dela, chegando na lateral das coxas e mordiscando, beijando e lambendo. Logo cai de boca na sua bucetinha, enfiei a língua na sua fenda molhadinha e iniciei um vai e vem gostoso, ora chupando, ora, enfiando a língua na sua buceta gostosa.

Minha tia começou tímida, mas logo se agarrou aso travesseiros, abafou seus gemidos e começou a rebolar na minha boca, pedindo pra eu não parar de chupar.

-Você é bem safada, sempre soube disso, tô adorando chupar essa buceta gostosa!

Ela não respondia nada, só gemia gostoso, até que não aguentei mais, subi em cima dela, abri suas pernas e comecei a foder sua buceta gostosa e melada. Minha tia soltou um gemido alto quando meu pau entrou todinho dentro dela e logo eu comecei a bombar devagar e fui aumentando o ritmo ao perceber que ela me apertava com as pernas.

– Fica de quatro pra mim, vai tia! quero comer esse cuzinho gostoso.

-Não! nunca fiz isso nem com seu tio!

-Você vai gostar, prometo! Agora vira esse cuzinho pra mim.

Toda safadinha ela obedeceu minhas ordens, ficou de quatro, dei um tapa na sua bunda e fiz ela dar uma empinadinha bem gostosa. Comecei a encaixar no cu dela, mas era muito apertado, senti a maior dificuldade, então peguei um creme na cômoda e lambuzei meu pau inteiro pra conseguir meter.

Bombei devagar, ela gritava de dor, mas logo percebi seu cu relaxar e seus gemidos se transformarem em prazer. Fiquei um bom tempo comendo minha tia devagar, mas aos poucos fui aumentando e arrombei seu cuzinho virgem. Senti que o gozo viria e falei que ia encher o cuzinho dela todinho com minha porra. Ela adorou, jorrei meu leite dentro da safada e deixei minha tia toda melada e suada na cama, com a respiração ofegante e bem satisfeita.

Já tem um tempo que rolou nossa foda, no entanto, passei um bom tempo comendo minha tia, até que ela engravidou, ficou na dúvida se era meu ou do meu tio e resolvemos parar com a nossa putaria, mas valeu a pena demais!

7.683 views views

Contos relacionados

Meu tio me flagrou com meu primo e participou

Esse relato que estou contando aconteceu quando eu tinha 18 e meu primo 19 anos. O nome dele é Adriano, sempre fomos muito próximos porque morávamos na mesma casa com meus avós. Nossos pais sempre...

LER CONTO

Gostosa cavala transando com enteado

Uma sacanagem que aconteceu comigo semana passada que fiquei sem coragem de contar, mas foi tão bom que vou dizer todos os detalhes da putaria. Tenho um enteado chamado Luis Eduardo, que...

LER CONTO

Realizando o sonho da sobrinha e fodendo a peituda

Metendo a rola grossa na bucetinha da sobrinha safada O cara da história de hoje é um empresário renomado, um homem de negócios que não tem filhos e nem esposa. No entanto ele tem família. E...

LER CONTO

Sexo com o primo distante

Fiz sexo com o primo gostoso Eu me chamo Luísa, acabei de fazer 19 anos, e moro na capital com meus pais. Esse ano meus pais decidiram fazer uma festa de família, para reencontrar parentes que...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 2 = ?
Desfrute do maior acervo de contos eróticos verídicos da internet e o melhor que o nosso conteúdo é 100% grátis.
© 2022 - Seus Contos Eróticos