Seus Contos Eróticos » Incesto » Fui abusada pelo meu sobrinho enquanto dormia

Fui abusada pelo meu sobrinho enquanto dormia

Publicado em março 16, 2021 por store

Há uns dois ou três anos nós alugamos uma casa na praia. Eram eu, meu marido, minha irmã, meu cunhado e um sobrinho de 18 anos. Nossa ideia era passar o Carnaval por lá, ou seja, coisa de uns 5 ou 6 dias.

Logo no primeiro dia eu fiquei assistindo na televisão os desfiles das escolas de samba com minha irmã, enquanto nossos maridos estavam tomando cerveja na calçada de casa e meu sobrinho na varanda mexendo no celular. Em determinada hora todos foram para os quartos dormir.

Eu fiquei sozinha na sala no andar de baixo da casa. Estava de blusinha sem sutiã por baixo, tinha bebido várias cervejas e vendo tanto homem bonito e apenas de cueca e sunga na TV, acabei ficando com um baita tesão.

Depois de um tempo acabei dormindo deitada no sofá mesmo. De repente acordei com algo estranho acontecendo. Alguém estava com a mão nas minhas coxas, puxando meu short curtinho para o lado e tentando enfiar os dedos na minha buceta.

Eu já podia sentir umas dedadas na minha buceta ainda protegida pela calcinha. Abri os olhos levemente, com receio e percebi que a TV estava desligada e a luz da sala completamente apagada. Na semiescuridão, eu consegui ver meu sobrinho me tocando.

Como eu estava deitada de bruços, a visão da minha bunda estava deixando ele completamente hipnotizado. Quando percebi que era ele, gelei inteira, mas continuei fingindo que estava dormindo. De vez em quando eu abria os olhos levemente e observava. Os dedos dele já tinham puxado minha calcinha de lado e também estavam atolados na minha buceta, que escorria de tesão.

Enquanto ele me tocava com uma mão, se masturbava com outra. Fiquei quietinha e mantive uma respiração forte, para dar a impressão de que eu estava realmente dormindo. Eu estava achando aquilo muito estranho, já que meu sobrinho nunca tinha dado a entender que sentia alguma atração por mim, mas isso me deixava muito excitada.

Os dedos dele na minha buceta começaram a me despertar um tesão tão gostoso, que meu orgasmo já se aproximava. Curiosa, sai da posição de bruços e fiquei deitada de costas, barriga pra cima e procurei abrir bem minhas pernas. A concentração dele foi total. Na mesma hora ele voltou a enfiar os dedos na minha buceta e suspirava de tesão enquanto batia uma punheta.

Ele colocou o pau pra fora e eu fiquei surpresa com o tamanho e a grossura daquele cacete com a cabeça rosada e lubrificada de tesão. O calor que vinha da minha buceta era grande. Já fazia uns dez dias que eu e meu marido fizemos sexo pela última vez e eu não tinha tocado uma siririca desde então, dessa forma, o tesão acumulado era enorme.

Continuei parada deixando ele fazer o que quisesse comigo e fingindo um sono profundo. De repente ele parou saiu do lugar e depois de uns minutos voltou trazendo um cobertor e um travesseiro. Logo ele se ajeitou do meu lado e nos cobriu completamente.

Como eu já sabia o que ele queria, me virei de ladinho e me preparei para ser fodida. Ele me abraçou por trás, cheirou meus cabelos, massageou meus seios e passou as mãos por todo o meu corpo. Eu continuava deitada fingindo estar dormindo, completamente imóvel e com um tesão percorrendo meu corpo com medo de alguém acordar de repente.

Aos poucos ele foi tirando minha roupa e não tomei nenhuma atitude, meu sobrinho ia meter em mim. Ele estava prestes a comer a própria tia e eu não ia impedir. Eu sempre tinha achado esse negócio de incesto deplorável e nojento, até perceber que eu estava muito excitada com aquilo tudo.

Minha vontade era de agarrá-lo e mostrar pra ele que eu estava cheia de tesão, pronta pra dar pra ele de verdade, com gemidos, palavrões, gritos e tudo mais, no entanto, preferi ficar quietinha, só esperando ver até onde ele iria.

Em questão de segundos ele abriu minhas pernas, resolvi facilitar. Eu movimentei meu corpo e ele colocou em mim novamente. Senti seu pau quente e duro esfregando na minha bunda. Ele ficou roçando nas minhas coxas por alguns minutos e a cada roçada que ele dava, sua pica soltava um líquido quentinho que começava a lambuzar meu rabo.

Minha buceta estava sedenta, molhada e latejando de tesão, fui ficando cada vez mais meladinha com ele roçando o pau em mim, já encostando a cabeça da rola nos meus grandes lábios. De repente, encostou a cabeça e foi empurrando até minha buceta sugar para dentro, contraindo enquanto ele empurrava devagar.

Me arrepiei toda e dei uma mexida gostosa, como se tivesse sonhando. O pau encaixou bem no fundo da minha buceta, foi uma metida gostosa, bem funda.

-Tia, você é muito gostosa! Senti ele dizer baixinho em meu ouvido.

Suas estocavas eram fundas e ritmadas e meu corpo acompanhava sua pegada, indo pra frente e pra trás. Meu sobrinho tinha se transformado em um macho safado e tarado. Ele estava me comendo mais gostoso que o tio dele e tomava cuidado pra não fazer barulho, pois tinha gente dormindo no andar de cima.

Fingindo estar sonhando, eu mexi meu corpo uma três ou quatro vezes e ele não me soltou em momento algum, pelo contrário, me apertava ainda mais, até que senti gozar dentro de mim. O seu pau despejou uma grande quantidade de porra bem quentinha no fundo da minha buceta.

Após tirar o pau de mim lentamente, ele guardou, em seguida me vestiu carinhosamente, tanto a calcinha quanto o short. Depois de me dar um beijo nos lábios e me cobrir, ele finalmente saiu e foi dormir. Aquilo me deixou tão desorientada que nem me mexi. Fiquei pensando por um tempo até que cai no sono.

Acordei depois de umas horas e minha buceta ainda estava cheia da porra do meu sobrinho. Fiquei meio preocupada em como olharia pra ele, mas ele foi muito esperto, veio cheio de chamegos e muito carinhoso comigo. Hoje em dia faço o possível para deixá-lo com vontade de meter em mim.

Sempre que ficamos sozinhos eu me visto de forma mais provocativa, me sento de forma a mostrar minha calcinha pra ele e fico de costas mostrando minha bunda e outras coisas mais.

16.692 views views

Contos relacionados

Trepando com minha irmã e minha namorada

Minha irmã e minha namorada fizeram um menage comigo Me chamo Paulo, tenho 24 anos, 1,85m, 80kgs, cabelos pretos e olhos verdes. A história que eu vou contar aconteceu comigo recentemente, e...

LER CONTO

Sexo com o primo distante

Fiz sexo com o primo gostoso Eu me chamo Luísa, acabei de fazer 19 anos, e moro na capital com meus pais. Esse ano meus pais decidiram fazer uma festa de família, para reencontrar parentes que...

LER CONTO

Tio dotado fodendo a sobrinha e sua amiga

Tio dotado sendo chupada por duas putas gulosas Vou contar a história de duas ninfetas sedentas por sexo chupando a pica do tio de uma delas. No entanto a novinha mulata convida sua amiga para ir...

LER CONTO

Realizando o sonho da sobrinha e fodendo a peituda

Metendo a rola grossa na bucetinha da sobrinha safada O cara da história de hoje é um empresário renomado, um homem de negócios que não tem filhos e nem esposa. No entanto ele tem família. E...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 2 + 4 = ?
Desfrute do maior acervo de contos eróticos verídicos da internet e o melhor que o nosso conteúdo é 100% grátis.
© 2022 - Seus Contos Eróticos