Seus Contos Eróticos » Relatos » O ex marido da minha amiga

O ex marido da minha amiga

Publicado em março 29, 2021 por store

Um dia estava saindo com um rapaz que eu ficava sem compromisso, nós estávamos indo para a casa dele pra transarmos, mas antes eu precisava passar no banco para pagar uma conta.

Lá dentro encontrei um amigo meu, casado com uma amiga minha que eu gosto muito. Nós costumávamos ir à praia juntos, mas com o tempo, as obrigações, a gente foi perdendo contato.

Fiquei muito feliz em reencontrar com ele, perguntei dela e fiquei surpresa quando ele revelou que eles tinham terminado o casamento. Trocamos telefone para conversar depois e fui pra casa do meu ficante.

Chegando lá a gente transou o dia todo, sai da casa dele com a boca doendo de tanto chupar pica e com a buceta ardendo e vermelha de tanto que ele meteu nela. Sem contar meu cu, que estava dolorido de tanta pirocada que eu tomei. Foi um dia muito gostoso!

Quando voltei pra casa, fui tomar um banho e deitar, mas logo meu celular tocou. Era o Eduardo, o tal amigo que encontrei no banco. Conversamos, ele me convidou para sair, aceitei e marcamos um almoço. Chegando lá ele me contou que traiu a esposa e por isso eles separaram.

Contei sobre minha vida, sobre minha separação também. Logo ele começou a contar que sempre me achou interessante e que agora que estava livre, toparia algo se eu quisesse.

Nessa hora fiquei surpresa, mas como uma boa safada, disse que também o achava atraente. O tesão começou a tomar conta e resolvemos sair do restaurante direto para um motel.

Eu estava com um vestido preto decotado, que dava pra ver o colo dos meus seios, uma calcinha branca toda enfiada na bunda e percebi o Eduardo um pouco nervoso, mas fui deixando ele mais calmo e relaxado.

Começamos a beijar e ele ficou de pau duro. Pedi pra ele tirar a roupa e fui tirando a minha, me despindo de forma bem sensual pra ele. O safado começou a chupar meus seios, passar a língua nos biquinhos, deixando duros de tesão.

Voltei a beijá-lo novamente, depois fui beijando o seu peito bem devagar, passando as mãos por todo o seu corpo, até que cheguei em seu pau duro. Fui acariciando devagar e impressionada com a grossura e tamanho daquela rola.

Segurando firme com uma mão, comecei a lamber da cabeça até o saco. Fui fazendo isso várias vezes, até que comecei a chupar seu cacete inteirinho. Lambia, chupava suas bolas e fiquei nisso por vários minutos.

Parei de chupar e comecei a beijar sua boca enquanto ele ia acariciando meu corpo e sentindo minha bucetinha molhada. Eu estava cheia de tesão, ansiosa pra sentar naquele cacete enorme.

Fiz ele deitar na cama, sentei por cima dele, encaixei seu pau na entradinha da buceta e comecei a cavalgar naquela rola. Nossa! foi tão gostoso, eu fiquei louca, rebolei igual uma putinha no cio naquele cacete gostoso.

Enquanto a gente fodia, Edu começou a chupar os meus seios, mamava os dois, deixando bem molhados enquanto eu subia e descia no pau. Logo depois mudamos de posição, deitei de bruços, ele me beijou, deslizou sua língua pelas minhas costas até chegar em minha bunda.

Eduardo começou a afastar as bandas da minha bunda e passou a língua no meu cuzinho. Ele me deixou prontinha e encaixou seu pau no meu rabinho gostoso. Ele metia gostoso, fodeu meu cuzinho e deixou ele todo ardido.

Eu queria mais, então fiquei de quatro e senti seu pau penetrar inteiro. Rebolei na sua pica e ele acabou gozando gostoso dentro do meu cu. Eu sentia seus jatos de porra escorrendo de dentro de mim.

Quando ele tirou o pau, comecei a chupar e deixei tudo limpinho. Depois dessa trepada gostosa, ficamos na cama e ele pediu pra namorar comigo.

Eu olhei espantada, comecei a rir, mas com o tempo acabei aceitando, só pra ter esse homem gostoso na minha cama sempre que eu quiser.

1.572 views views

Contos relacionados

Acabei comendo a sogra peituda

Olá amantes do porno contado. Venho hoje compartilhar com você a minha única foda com minha sogra peituda gostosa. Acima de tudo confesso a você que fiz o que pude para não foder com a mãe da...

LER CONTO

Dei carona e comi a desconhecida

Levei no caminhão e comi a desconhecida safada Me chamo Paulo, tenho 35 anos, sou caminhoneiro há 15 e conheço muitos lugares nesse Brasil. Sou casado e sempre tentei me manter na linha, mas...

LER CONTO

Novinha transou com um velho por dinheiro e gostou

Novinha dando pro coroa que pagou bem Hoje vou contar uma história de uma jovem latina que ficou desesperada ao viajar para outra cidade em busca de estudos e acabou perdendo o emprego de...

LER CONTO

Necessitada de sexo

Fiquei louca querendo sexo Essa história era de quando eu tinha vinte anos, e tinha uma filha linda de seis meses. Sempre fui mãe solteira, não que o pai dela não fosse presente, mas assim...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 5 + 1 = ?
Desfrute do maior acervo de contos eróticos verídicos da internet e o melhor que o nosso conteúdo é 100% grátis.
© 2022 - Seus Contos Eróticos